A Arte da Autossabotagem

Ocorre do proprietário, acionista, patrocinador e até mesmo o gerente do projeto sabotarem o projeto, causando prejuízo e quebras de relacionamento.

Tenho um exemplo real em que o diretor da empresa exigiu ser o patrocinador do projeto, cometi o erro de aceitar a proposta sem uma conversa de alinhamento de intenções, algo que deve vir bem antes do termo de abertura do projeto.

No início, o patrocinador fez questão de participar de todas as reuniões com fornecedores. Após duas ou três reuniões, o diretor sumiu, sempre tinha algo mais importante para fazer, a ponto de o projeto parar por falta de definições em processos decisórios que eram única e exclusivamente de sua competência. O tempo foi passando e resolvi ter uma conversa franca com o Diretor, perguntei o que ele esperava do projeto além do objetivo e ele me respondeu:

– Suas reuniões não me dizem nada, não compreendo o que eles falam.

Na hora pensei: errei, fui incompetente ao não perceber que o diretor estava lá pela visibilidade do projeto e não para falar com siglas de gerenciamento de projetos ou de técnica de informação. Por isso, estava, inconscientemente, sabotando o projeto, por insegurança e vergonha.

Resolvi parar o projeto por cinco dias e me reuni com as equipes interna e externa, para que alterássemos a forma de abordagem da comunicação do projeto, eliminássemos siglas, como WBS, ou CPM e falássemos entregas do projeto ou atividades que atrasariam todo o projeto. Pode parecer uma adequação fácil, mas imaginem especialistas apaixonados pelas suas habilidades terem que mudar vocabulário e forma de abordagem.

A segunda atitude foi pedir um voto de confiança para que retomássemos o projeto com a sua presença e interação. A conversa foi excelente. terminamos com ele me agradecendo e literalmente dizendo que se sentia acolhido pela oportunidade. O Projeto deslanchou!

Hoje, inicio todos os projetos com uma análise das expectativas dos patrocinadores e primo pelo diagnóstico das suas habilidades em gerenciamento de projetos.

📱 (54) 9 9961-8182
✉️ leandro@exitusgp.com.br
.
.
.
.
.
.
.
Créditos: www.freepik.com

Publicado em: 17/03/22